Cobrança de clientes: dicas para evitar inadimplência e manter fluxo organizado

cobrança de clientes

É extremamente importante que as empresas saibam qual a melhor maneira de cobrar clientes e evitar dívidas para as duas partes. 

Porém, normalmente o cenário que muitas enfrentam é o seguinte: trabalham com pagamentos recorrentes e acabam tendo que enfrentar um grande desafio ao final de todo mês ou ano, que é manter a baixa inadimplência e girar o fluxo de caixa.

Nesse caso, costumam fazer cobranças em formato de assinaturas e/ou mensalidades, solicitando pagamento mensalmente, trimestralmente, semestralmente ou anualmente – como academias, cursos online e serviços de streaming.

Para lidar com os custos e despesas que uma empresa precisa bancar para manter-se ativa no mercado, é importante ter a garantia de que vão receber o pagamento pelo que oferecem (produtos ou serviços). Por isso, receber esses pagamentos ao final de cada período significa ter saúde financeira, além de ter mais chances de crescimento e desenvolvimento do negócio.

Entenda melhor o assunto!

Qual é a realidade que vivemos?

O cenário brasileiro de inadimplentes tem apresentado um índice cada vez mais alto nos últimos anos, o que nos faz perceber que a maior parte dos clientes não pagam dívidas.

Só em março de 2019, 63 milhões de pessoas estavam com dívidas atrasadas ou negativadas no Brasil. E 42% da população brasileira estava com o CPF restrito em 2018 por atrasos em pagamentos das contas.

É interessante reconhecer que existem duas maneiras eficientes para evitar a inadimplência, que são reduzir o número de clientes que não pagam ou garantir uma gestão de cobrança com processos mais organizados.

Pensando nisso, nós vamos apresentar alguns pontos que merecem mais atenção e algumas das principais dicas para reduzir o índice de inadimplência de clientes. 

Nós vamos propor algumas ideias de como se deve cobrar devedores e também de como sua equipe do financeiro deve se organizar.

Para começar, entenda o que é considerado como inadimplência!

Antes das dicas, é interessante compreender o que podemos considerar como inadimplência e qual seria a taxa aceitável para manter a saúde financeira de seu negócio.

De acordo com o Banco Central, é preciso redobrar a atenção em relação à inadimplência de clientes quando o índice estiver acima de 5%, considerando nessa taxa os pagamentos não quitados que estejam com mais de 90 dias de atraso.

Qual a melhor maneira de lidar com tal situação e não sair no prejuízo?

Considerando as informações apresentadas, a partir do momento que identificar clientes inadimplentes, qual é a melhor maneira de abordar clientes inadimplentes? 

Como mencionamos acima, temos algumas dicas para que sua empresa possa ter maior controle sobre as finanças, além de alcançar o faturamento dentro do parâmetro pretendido. 

Se quiser conhecê-las, é só prosseguir com a leitura!

Confira dicas para resolver dívidas e evitar inadimplência de clientes

Procure estratégias para pagamento facilitado

Ainda que estejam devendo, ninguém gosta de ter dívidas. Na maior parte das vezes, as pessoas se endividam porque não têm condições financeiras de quitar os débitos.

Por isso, procure entender qual a situação que seus clientes inadimplentes estão e ofereça formas de pagamento facilitadas.

É possível fazer isso aumentando as opções de bandeiras de cartões de crédito aceitas, disponibilizando boletos com desconto por e-mail, pagamentos em carnê ou até adotando um sistema de pagamento digital etc.

Dessa forma, além de garantir a satisfação e melhorar a experiência de clientes que já estão contando com a sua empresa, você consegue atrair novos clientes – e, obviamente, reduzir ou prevenir a inadimplência.

Priorize proporcionar a melhor experiência de atendimento possível ao cliente

Muitas pessoas consideram o bom atendimento como um diferencial da empresa, por isso, acabam negligenciando a necessidade de considerar isso como algo básico, obrigatório. 

Encarando dessa forma, é possível atrair novos clientes e também fidelizar os antigos. É justamente essa prática que será útil quando for preciso lidar com clientes inadimplentes.

O bom atendimento torna viável considerar a negociação de valores de forma amigável, por exemplo, o que deve resolver a inadimplência e ainda ajuda a manter um relacionamento saudável.

Dessa forma, a sua equipe vai entender quais são os motivos que causaram o atraso do pagamento. Pode acontecer do devedor ter se esquecido da data de vencimento.

Por isso, busque ouvir o que os clientes têm a dizer, tomando todo cuidado para não constrangê-lo e apresente soluções claras que a empresa pode oferecer tendo o intuito de resolver a situação mostrando que o cliente tem valor.

Para finalizar este assunto, vale mencionar que é extremamente importante definir qual é o meio mais adequado para entrar em contato nos casos de atraso de pagamento. Junte a equipe para pensar estrategicamente sobre como garantir que seu cliente vai receber o aviso e, se isso não resolver, entre em contato por telefone.

Jamais perca o controle sobre os atrasos

A boa organização é a maneira ideal para manter o controle sobre o faturamento do negócio. Controlar atrasos de clientes devedores faz parte desse controle.

Registre todos os dados dos clientes e o valor da dívida, além dessas informações, tenha acesso claro ao tempo de atraso e como encontrar a pessoa responsável pela dívida.

Acompanhe esse controle periodicamente e, dependendo do volume dos clientes inadimplentes, pode ser necessário usar um sistema para controle financeiro de automação adequado.

Siga uma política de cobrança

Se não tiver uma política de cobrança definida em sua empresa (que basicamente é um documento usado para sinalizar quais medidas devem ser tomadas em casos de não pagamento.

Nessa política, sua equipe deve seguir as etapas que sinalizam exatamente quando enviar lembretes sobre prazos de pagamento, quando telefonar para clientes perguntando sobre o que causou o atraso ou até mesmo qual é o momento de cortar o serviço do cliente (se for o caso do seu segmento).

Nos casos extremos, pode ser necessário ter que aplicar até medidas jurídicas cabíveis.

Para definir essa política, considere o Código de Defesa do Consumidor e priorize as ações amigáveis.

Pense sobre promover vantagens aos clientes que pagam em dia

Uma das soluções mais interessantes e proveitosas para evitar problemas com a inadimplência. 

Oferecendo vantagens e benefícios para os clientes que pagam em dia (como brinde, bônus, descontos ou pontos/créditos em cartão de fidelidade), os dois lados saem ganhando. 

Para fazer tudo isso dar certo, use um sistema de gestão financeira

Se realmente quiser  manter o controle sobre a inadimplência em seu negócio, será interessante investir em um sistema de gestão, já que a automatização de processos financeiros vai ajudar sua equipe a ganhar tempo e administrar todas as atividades de forma mais organizada.

O que estamos propondo é que todos os seus colaboradores tenham acesso à serviços de base de dados para consultas para otimizar o gerenciamento da carteira de clientes.

Como sabemos que a gestão de inadimplência é algo extremamente importante para manter o fluxo de caixa corporativo, o sistema é algo indispensável para manter a recorrência de pagamentos e toda a equipe mais alinhada possível.

Além de reduzir a inadimplência, sua empresa vai identificar os bons pagadores e terão a chance de renegociar as dívidas da maneira mais segura possível.

Como a Portão 3 pode ajudar?

A Portão 3 é a melhor solução para Contas a Pagar de médias e grandes empresas. Converse agora mesmo com um dos nossos especialistas para você saber mais sobre os melhores produtos para uma experiência de gestão financeira mais prática, completa e flexível!

Leave a Reply

Your email address will not be published.